18/09/2008

Prof. Sergio Bampi recebe o prêmio Padre Roberto Landell de Moura


Ele foi um precursor do rádio, demonstrando um sistema de comunicação sem fio, por ondas eletromagnéticas, incluindo os componentes inventados por ele próprio, em 1894. Lutou por apoio industrial e governamental para seus inventos. Seus feitos e características o tornam um modelo a ser seguido.

Sergio Bampi, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, possui alta qualificação na área de Microeletrônica, o que pode ser evidenciado por suas publicações e por seu elevado prestígio nacional e internacional na área. Além disto, tem dedicado um tempo significativo para ações em prol do desenvolvimento científico e tecnológico do Brasil na área de Microeletrônica. É o principal responsável pela elaboração técnica do projeto do CEITEC, que foi apresentado aos Governos do Rio Grande do Sul e do Brasil, e que permitiu demonstrar aos agentes públicos a importância da implantação do referido projeto.

A sua atuação como Diretor Técnico do CEITEC foi expressiva e fundamental para o sucesso do mesmo. Também foi o principal responsável pela viabilização da implantação do NSCAD que tem dado o suporte de CAD às instituições brasileiras e responsável pela implantação do primeiro centro de treinamento em CAD pelo programa CI Brasil. Tem sido um consultor permanente do MCT em questões relacionadas à Microeletrônica. O Prof. Bampi também tem apoiado as demandas da comunidade brasileira de Microeletrônica junto aos órgãos do Governo Federal, como o CATI e o MCT. Ele teve importante participação no projeto do Sistema Brasileiro de Televisão Digital: no desenvolvimento de tecnologia, na participação em comissões e na negociação com o Japão sobre o SBTVD e Microeletrônica Cabe ressaltar o papel expressivo do prof. Bampi na articulação e elaboracão do PNM. É importante destacar ainda o importante trabalho realizado pelo Prof. Sergio Bampi como Diretor Presidente da FAPERGS, no período de 2001 a 2002, quando lutou por recursos para o financiamento do desenvolvimento científico e tecnológico. O Prof. Bampi foi também um dos principais organizadores da implantação do Programa de Pós-Graduação em Microeletrônica da UFRGS (PGMicro) e foi seu primeiro coordenador. Cabe observar que o PGMicro é o primeiro programa de pós-graduação do país inteiramente dedicado à Microeletrônica.

O perfil do prof. Sergio Bampi alia elevada qualificação técnica, grande capacidade de interlocução política e comprometimento com o desenvolvimento da área e do Brasil, tendo contribuído de maneira relevante para praticamente todas as recentes conquistas para a área de Microeletrônica no Brasil. Além de todas estas atividades em prol da Microeletrônica no Brasil, o Prof. Bampi tem cumprido de forma qualificatida as suas tarefas de professor e orientador na área. Considerando que o CEITEC representa um ícone na implantação de um setor industrial em Microeletrônica, e considerando a relevância da atuação do prof. Sergio Bampi para a viabilidade da implantação do CEITEC, ele é um grande merecedor do primeiro prêmio Landell de Moura da SBMicro. Na definição do prêmio Landell de Moura está dito que o ganhador do prêmio: "... deve apresentar algumas das características do Pe. Landell de Moura, ou seja: visionário, criativo e persistente, e ter contribuído com o desenvolvimento da área de microeletrônica no Brasil...". O prof. Bampi consegue apresentar não apenas algumas, mas TODAS as características citadas.

COMPARTILHE:

SOCIEDADE BRASILEIRA DE MICROELETRÔNICA

Av. Prof. Luciano Gualberto, 158 - Trav. 3
Butantã São Paulo, SP
CEP: 05508-900
Brasil
Tel: +55 (11) 3091-5658 / 5270
Fax: +55 (11) 3091-5664
©2017 SBMICRO | Todos os Direitos Reservados